Deus é Sabedoria  

INSTITUTO EVANGÉLICO BEM DO BRASIL

Ideologia de gênero - Sermão 24 Wilfred

Genero

Ideologia Genero ou Gênero

A ideologia de gênero está negando as diferenças entre homens e mulheres com base na estrutura biológica. Em vez disso, seu pensamento propõe que essas diferenças são fruto de uma construção social e cultural. Alega que a sociedade e a cultura impõem aos homens e mulheres seus respectivos papéis, nenhum dos quais corresponde a diferenças naturais entre os sexos. Permite todo sexo, entre pessoas do mesmo sexo, transexuais, bissexuais e com animais. É contra o casamento. A pessoa tem o direito, ou os pais têm o direito, de escolher o sexo, e a alteração do sexo é permitida. Ele nega absolutamente a criação do homem e da mulher por Deus, o Criador.
Em vários países, como a Suécia, esse ensino é obrigatório desde a creche. Os pais, que contradizem isso em casa, são afastados de sua paternidade. O presidente do Brasil proibiu esse ensino, mas foi rejeitado pelo alto tribunal.

A ideologia de gênero é inocente?

Não é uma ideologia inocente como meninos brincando com bonecas e meninas brincando com carros, como vestir meninos com saias. Pois Deuteronômio 22:5 diz claramente:

Não haverá traje de homem na mulher, e não vestirá o homem vestido de mulher, porque qualquer que faz isto é abominação ao Senhor teu Deus.

Então isso já é contra a Vontade de Deus. Mas o que é mais inocente? O fato de que já na idade de 6-7 anos na escola as crianças devem tirar suas roupas e meninos e meninas são obrigados a apalpar os órgãos genitais uns dos outros. Nessa idade, isso é muito jovem! Também é ensinado que as relações sexuais com adultos (pedofilia) e animais não são anormais.

Ideologia de gênero nega biologia

É negar o FATO de que existem APENAS dois cromossomos: X e Y. Na fertilização dos cromossomos X e X uma menina vai nascer. Na fertilização dos cromossomos X e Y, um menino nascerá. Esse é um FATO BIOLÓGICO. Com essa diferença, a menina desenvolve os órgãos genitais e os hormônios femininos. O menino desenvolve os órgãos genitais e os hormônios do homem.

Consequências da alteração sexual

As consequências da alteração do sexo são grandes. Com o menino / homem, o pênis é removido e, por meio da operação, é feita uma vagina. No entanto, existe apenas artificial. Nunca uma criança pode nascer, porque não existem órgãos genitais femininos. Com a menina / mulher, a vagina e as partes femininas são removidas e um pênis é fornecido. No entanto, este pênis não tem uma ereção natural. A ereção é por bomba. Também sem ejaculação, porque não há órgãos genitais do homem para produzir sementes.
Infelizmente, um pai pode permitir que essa operação seja realizada em seu filho. O pior caso foi quando o pai recusou e a mãe insistiu no tribunal. E o tribunal permitiu. A criança (a partir dos 4 anos) não sabe o que está acontecendo.
Medicamentos e hormônios fortes são necessários para manter a alteração sexual, alguns com várias doenças. Como não há ovários no homem, os hormônios femininos pesados devem ser ingeridos pelo resto da vida. Uma vez que nenhuma bola de sementes está presente na mulher, pesados hormônios masculinos devem ser ingeridos pelo resto da vida. Nem sempre tem sucesso em dar as mudanças de voz necessárias. Se já começaram quando a mudança de sexo é feita antes da puberdade, também tem consequências em se tornarem adultos.
Nem é preciso dizer que a consequência é que eles nunca produzirão filhos de forma natural.
Muitos adultos se arrependem da mudança de sexo e a invertem. Mas o dano está feito e nenhum filho pode ser obtido, nem uma vida sexual normal.

Perigos da ideologia de gênero

Quando adulto não fica satisfeita com a mudança de sexo. Lá a vida sexual é destruída. Muitos se refugiam no álcool e nas drogas. Mas pior de tudo, eles não são capazes de enfrentar e cometer suicídio. Alguns têm seu sexo alterado para o sexo original. Mas uma vida sexual normal é impossível, os órgãos sexuais são removidos e o pênis precisa ser bombeado para ser erguido. Ter filhos só é possível por adoção.