Jonas 1 - Bíblia NBV

1 2 3 4


1 O SENHOR enviou esta mensagem a Jonas, filho de um homem chamado Amitai:
2 “Apronte-se e vá à grande cidade de Nínive e anuncie a seus habitantes esta mensagem do SENHOR: ‘Vou destruir esta cidade por causa de sua grande maldade: seus pecados são tão horríveis que chegaram até a minha presença!’”
3 Jonas, porém, preferiu fugir da presença do SENHOR. Foi até o mar, ao porto de Jope, onde encontrou um navio que ia para Társis. Comprou sua passagem e embarcou para se esconder do SENHOR.
4 Mas, durante a viagem, de repente, o SENHOR fez soprar um forte vento que agitou o mar e formou uma grande tempestade, tão violenta que o navio estava quase se partindo ao meio. 5 Com muito medo, os marinheiros, desesperados, gritavam pedindo ajuda aos próprios deuses. Para o navio ficar mais leve, começaram a jogar a carga ao mar. Enquanto tudo isso acontecia, Jonas, que havia descido ao porão, dormia tranquilamente. 6 O capitão do navio desceu para falar com ele. “O que há com você?”, gritou. “Como é que você fica dormindo numa hora dessas? Levante-se e fale com o seu Deus, para ver se ele tem piedade de nós e não nos deixa morrer!”
7 Enquanto isso, os marinheiros decidiram tirar a sorte para ver quem havia ofendido os deuses e provocado aquela tremenda tempestade. Lançaram a sorte, e a sorte caiu sobre Jonas!
8 “O que foi que você fez”, perguntaram, “para provocar essa tempestade que está quase nos destruindo? Quem é você? Qual é a sua profissão? De onde você vem? Qual é sua terra e a que povo você pertence?”
9 Jonas respondeu: “Eu sou hebreu; adoro ao SENHOR, o Deus dos céus, que fez a terra e o mar”.
10 Então Jonas contou aos marinheiros que estava fugindo do SENHOR. Quando os marinheiros ouviram isso, ficaram apavorados e gritaram: “Mas por que você fez uma coisa dessas?”
11 “O que vamos fazer com você para a tempestade parar?”, pois o mar estava ficando cada vez mais agitado.
12 “Joguem-me ao mar”, disse Jonas, “e ele ficará calmo de novo. Eu sei que sou o culpado dessa horrível tempestade”.
13 Enquanto isso, os marinheiros remavam com todas as suas forças, tentando alcançar a terra, mas não conseguiam. Era impossível lutar contra a tempestade, porque o mar tinha ficado ainda mais violento! 14 Então fizeram uma oração ao SENHOR, o Deus de Jonas. “Ó SENHOR”, pediram, “não nos mate por causa do pecado deste homem; não nos condene pela morte de um inocente, porque essa tempestade caiu sobre ele por razões que o SENHOR mesmo sabe”. 15 Depois disso, agarraram Jonas e o lançaram ao mar enfurecido, e a tempestade se aquietou! 16 Os marinheiros ficaram espantados, sentindo ao mesmo tempo respeito pelo SENHOR. Eles ofereceram sacrifícios a ele e lhe fizeram promessas.
17 Mas o SENHOR tinha levado até aquele lugar um grande peixe para engolir Jonas. E durante três dias e três noites, Jonas ficou dentro do peixe.


RightJn 2