Encorajamento / explicação por Texto Bíblico (do Dia) - 1 Reis

1 Reis 3:5

1 Reis 3:5


Se Deus lhe dissesse: “Peça! O que quer que Eu lhe dê?” Como fez com Salomão, como você acha que responderia? Salomão poderia ter pedido riquezas além da imaginação, grande fama, ou poder inigualável. Mas a resposta de Salomão é uma demonstração impressionante de humildade e reconhecimento da sua necessidade de Deus e de sabedoria. Quando você levar seus pedidos a presença de Deus, peça a ele para lhe mostrar as coisas de que você realmente necessita, e lembre-se sempre que a sua maior necessidade é ter a Ele, e não as coisas que Ele pode fazer por você.

Ore comigo: Deus, oro para que Tu me dês uma mente cheia de entendimento é um coração que ouve a Tua voz para que eu possa discernir entre o bem e o mal.

1 Reis 6:11

1 Reis 6:11


Ao ler sente a construção do templo, observe a casa de Deus foi construída com extrema excelência ( ver 1 Reis 6:18,21). Hoje, nós, o seu povo, somos sua casa, o lugar onde Ele vive e se revela. Nós, crentes dos dias modernos, precisamos ser diligentes e seguir o exemplo do templo do antigo testamento e oferecer excelência ao mundo que nos cerca sendo pessoas excelentes.

1 Reis 8:27

1 Reis 8:27


A oração de Salomão expressa o tema: “Como Deus é grande!”

  1. Deus é o único Deus.
  2. Deus é maior do que todo o seu universo.
  3. Deus é misericordioso.
  4. Deus é fiel.
  5. Deus tem consideração por sua casa.
  6. Deus perdoa e restaura os nossos caminhos.

1 Reis 11:4

1 Reis 11:4


A tragédia da vida de Salomão não foi uma catástrofe pessoal repentina, mas a diminuição gradual de sua completa devoção a Deus. Ele trilhou o repetido caminho para longe de Deus: o conhecimento do coração tornou-se somente um entendimento da mente, e o conhecimento da mente finalmente deu lugar à apostasia total.

Além disso, a vida de Salomão ensina que as grandes bençãos e oportunidades que Deus dá também possuem ameaças ocultas para o relacionamento do qual nascem essas dádivas e oportunidades. As nossas próprias bençãos podem solapar a fé naquele que nos outorgou essas vitórias. É evidente que um relacionamento adequado de um indivíduo com Deus sempre se apóia na obediência continuada, consciente, disposta. Quando falta obediência, a alternativa é a desobediência - até mesmo a idolatria, como foi o caso de Salomão. E tal desobediência traz julgamento divino. O fim de seu reino, seu filho NÃO governará sobre todo o Israel.

1 Reis 13:3

1 Reis 13:3


Para quem não lembra dessa história, o que aconteceu for o seguinte: Salomão pecou, o reino foi dividido depois da morte dele, 2 tribos facaram com Roboão e as outros dez com Jeroboão. Jeroboão era um dos oficiais de Salomão e que se revoltou contra ele. Jeroboão fez dois bezerros de ouro e apresentou ao povo como imagem de seus deuses.

O profeta fez a advertência a fim de que Jeroboão pudesse se submeter, se arrepender e mudar sua atitude. Embora tivesse ouvido a profeta de Judá, assim mesmo ele continua com sua oposição a Deus. A religião de Jeroboão era em parte verdadeira e equivocada, mas, na análise final, não deixava de ser uma religião feito pelo homem e centralizada nele. Como tal, ela era uma religião idólatra, isto é, aquela em que os desejos e atitudes do homem têm prededência sobre os propósitos e os planos de Deus; È uma espécie de idolatria pior que a pagã. Jeroboão e seus seguidores conheciam o certo, porém praticavam aquilo que era errado.

Hoje, mais uma vez essa idolatria é repetida, líderes conhecem o ensino Bíblico, o que a Bíblia orienta a fazermos, porém estão distorcendo a Palavra de Deus e levantando bezerros de ouro para o povo adorar dessa mesma forma, uma religião que idolatra o homem. Que Deus tenha misericórdia do seu povo. Queremos mudar a Palavra de Deus para agrador aos homens.

1 Reis 17:9

1 Reis 17:9


Na história que começa em 1 Reis 17:9, vemos Deus enviando Elias a Serepta. Creio que Deus enviou o profeta até a viúva de Serepta não porque quisesse fazer algo com Elias, mas porque queria fazer algo pela viúva. Se Deus enviar você para outro lugar ou colocá-lo em uma situação que você não compreende, Ele o abençoará, mas pode ser por amor a outra pessoa. Se o ”seu Ribeiro“ secar, como aconteceu com Elias em 1 Reis 17 antes que ele fosse a Serepta, isso não significa que você fez algo de errado; é mais provável que Deus precise de você em outro lugar. Quando Deus fecha uma porta, você sempre pode esperar que Ele abra outra.

1 Reis 17:14

1 Reis 17:14


Você já se perguntou como faria para pagar todas as contas, ou talvez até mesmo de onde viria sua próxima refeição? Deus pode ser muito criativo no que diz respeito a suprir o seu povo, como Elias descobriu em 1 Reis 17:1-9.
À medida que seguir a Deus, você sempre poderá confiar que Ele suprirá, mesmo que seja de maneira inesperada!

Lembre-se de agradecer a Ele pela sua fiel provisão todos os dias.

1 Reis 18:36

1 Reis 18:36


Na ora em que o sacrifício da noite era habitualmente oferecido, Elias orou ao Deus dos patriarcas de Israel, que também era o seu Senhor. Ele orou, como somente uma pessoa obediente pode rogar, para que Deus pudesse responder, afastar o seu povo de Baal e Aserá, e trazê-los de volta para Si.

O povo, cheio de admiração e espanto, confessou o que todo homem deve confessar - quanto mais cedo na vida, melhor: “ só o Senhor é Deus! Essa confissão deixava bem claro que eles haviam decidido em favor de Deus e contra Baal.

No sacrifício e na oração de Elias podemos ver:
1- Uma fé que ousa submeter Deus a um teste.
2- Um homem que está preocupado com a glória de Deus e a salvação de seu povo.
3- A espécie de resposta dada por Deus a essa fé é a esses homens.
4- A resposta do povo diante do poder de Deus assim manifestado.

1 Reis 18:41

1 Reis 18:41


Após anunciar a Acabe o que iria acontecer - a chuva estava vindo- Elias foi para o topo do Monte Carmelo. Ali se ajoelhou com sua testa no chão. Você consegue vê-lo nessa posição? Naquela posição de adoração, Elias mandou o seu servo correr para lá e para cá diversas vezes para ver se havia começado a chover.

Quando você adorar a Deus, Ele enviará a chuva do seu Espírito sobre você, e ela afogará todos os seus “Acabes” e todas as resistências de sua vida. Tome posição e louve ao Senhor! Adore antes da chuva começar a cair sobre a sua vida.

1 Reis 20:28

1 Reis 20:28


Os exércitos tomaram posição para a batalha em uma planície próxima, em que o contingente israelita tinha a aparência de “pequenos rebanhos de cabras” se comparado ao exército sírio. Novamente, através de um homem de Deus que entrou em cena, o Senhor enviou a promessa de uma poderosa vitória sobre os sírios. Deus pretendia que os sírios ficassem cientes que ele era o Deus dos vales, assim como Deus dos montes.

Aqui podemos pensar:

  1. Na falsa filosofia do mundo de que Deus só é Deus nos montes, nos lugares elevados da vida e dos momentos de prosperidade.
  2. Na verdadeira teologia da Bíblia quando diz que o Senhor também é o Deus dos vales, das profundezas, dos momentos de provação e depressão.

Que você possa ficar firme, sabendo que em todas as situações Deus está com você.