Encorajamento / explicação por Texto Bíblico (do Dia) - 2 Reis

2 Reis 2:9

2 Reis 2:9


O ÚLTIMO PEDIDO DE ELISEU

"Peço-te que haja porção dobrada de teu espírito sobre mim" (hebraico). Essa frase tem sido muitas vezes mal interpretada como um pedido para receber o dobro do Espírito que estava na vida de Elias, e os maiores milagres que ele realizou foram considerados como indicação dessa assertiva. No entanto, esse pedido está baseado em Deuteronômio 21:17 onde a mesma expressão PORÇÃO DOBRADA é aplicada aquilo que o primogênito recebia da herança de seu pai. Eliseu se considerava o primogênito de Elias, o “filho do profeta” porque havia sido chamado para sucedê-lo como líder. Ele também estava profundamente preocupado porque passaria a ter aquele importante Espírito na qualidade de primogênito. A resposta de Elias era que não podia conceder esse pedido; somente Deus tinha o poder para tanto. Porém, se o Senhor permitisse a Eliseu presenciar a sua subida ao céu, então ele receberia a “porção dobrada".

Ande com pessoas que te façam crescer na vida. Pessoas que tenham algo bom para te ensinar. Não perca seu tempo unido (a) a pessoas preguiçosas que não se esforçam por nada, esperam que tudo aconteça por "passe de mágica". Eliseu passou tempo com Elias e aprendeu muito, a ponto de ser seu sucessor. Como o apóstolo Paulo disse uma vez: "sejam meus imitadores como eu sou de Cristo".

2 Reis 3:16-17

2 Reis 3:16-17


ÁGUA EM SOLO SECO

  • Deus seja louvado! Nunca deixaremos esse Deus e Sua Palavra!
  • Ele é o único que pode fazer isso! ELE CRIA ÁGUA EM DESERTO!
  • Ele deu ordem a Moisés para ferir a rocha e ela jorraria água.
  • Cada projeto e visão tem seu próprio "Refidim" - lugar onde não há água para beber.
  • MAS NÓS DEVEMOS DEPENDER TOTALMENTE DE DEUS!
  • Oração é o segredo!
  • A oração é essencialmente importante para que alcancemos o sucesso na vida.
  • Neemias orou, Salomão orou, Davi orou! Não perca essa guerra, ORE !!!
  • Eis que faço uma coisa nova, agora sairá a luz; porventura não a percebeis? Eis que porei um caminho no deserto, e rios no ermo (Is 43:19).
  • Sim! Rios no deserto! Essa é a promessa de Deus!
  • Deus está fazendo algo novo em sua vida! CONFIE! Se anime! Ele vai te surpreender por esses dias!

Bom dia! Deus te abençõe!

2 Reis 4:3-4

2 Reis 4:3-4


A viúva de um dos profetas, achando-se incapaz de saldar uma dívida, enfrentou a possibilidade do credor tomar seus dois filhos para um período de escravidão. O texto em Levítico 25:39,40 determina que se o devedor não pudesse pagar sua dívida, ele era obrigado a servir ao credor como escravo até o ano do jubileu. O poder de Deus, manifestado a Eliseu, aumentou o pequeno suprimento de azeite da viúva até uma quantidade que seria suficiente para saldar a dívida, e ainda sobrar para atender sua família.

Aqui vemos que:

  1. Havia um urgente senso de necessidade.
  2. Foi usado o que estava disponível, um vaso de azeite.
  3. A necessidade foi atendida através da generosidade e do milagre de Deus.
  4. O dinheiro para pagar a dívida não “caiu do céu ”. Deus concedeu que ela também participasse do milagre.
  5. Ela tinha bom relacionamento com os vizinhos. Caso contrário não seria fácil arranjar as vasilhas.

E por fim, a Bíblia nos ensina que não devemos dever nada a ninguém a não ser o amor (Romanos 13:8), temos que pagar nossas dívidas. Ore busque de Deus a solução e como foi com a viúva,Deus lhe dará a condição de pagar.

2 Reis 4:6

2 Reis 4:6


Deus tem abundância de recursos que são ilimitados para todos os que confiam nele e obedecem.

O temor de que nós não teremos o suficiente em momentos de necessidade INSULTA O DEUS QUE TEM SE REVELADO COMO JEOVÁ-JIRÉ, como o Senhor, nosso provedor.

CREIA QUE DEUS É CAPAZ DE SUPRIR SUAS NECESSIDADES, MESMO QUANDO VOCÊ NÃO TEM IDEIA DE COMO SE FARÁ.

2 Reis 4:43

2 Reis 4:43


O verso 44 diz que ele serviu a todos e conforme a palavra do Senhor, eles comeram e ainda sobrou.

Muitas vezes agente olha só para o problema em si, 20 pães para 100 homens, como poderia? O milagroso poder de Deus novamente se manifestou através da pequena quantidade de alimentos que se multiplicou e se tornou mais do que suficiente para cem homens. Essa era a forma de Deus demonstrar que ele proveria aos seus profetas.

Muitas vezes é preciso realmente ter fé! Talvez alguns de nós, diriam a Eliseu: "Olha, chama outro para fazer essa divisão, porque para mim obviamente não dá". Outros entrariam em pânico. Mas a verdadeira fé sorrir das impossibilidades.

2 Reis 5:10

2 Reis 5:10


Para mim essa é uma das histórias mais empolgantes da Bíblia. Podemos supor que Naamã procurou primeiro a ajuda do seu deus Sírio. Naamã tinha uma serva israelita e essa serva foi fantástica! Ela mesmo estando fora do seu país e servindo a estranhos ela não abandonou a fé em Deus e tinha muita confiança no Senhor e também em Eliseu. Ela foi a ligação para a cura e conversão de Naamã.

Essa cura representava um outro episódio significativo no ministério de Eliseu, e tinha o propósito de demonstrar que SÓ O SENHOR É DEUS, e que os deuses de outras nações nada representavam.

O desespero de Naamã, causado pela impureza do rio Jordão, pode ter sido provocado em parte pela correta comparação que fez com os rios do seu país. Entretanto, a questão verdadeira era a sua má vontade em se humilhar adequadamente, e obedecer a ordem de Deus para obter cura. Ele já tinha imaginado como tudo deveria acontecer. Mas, devido ser grande a sua necessidade, ele foi persuadido a se humilhar e Deus, de forma extraordinária, o curou.

Aqui temos:

  1. A grandeza que não leva a coisa alguma - um grande homem... porém leproso
  2. O testemunho da fé de uma escrava
  3. A obediência e cura completa.

Naamã havia oferecido um presente a Eliseu; porém, o profeta recusou. No entanto, sua gratidão era tanta que ele prontamente deu dói talentos de prata a Geazi, que supostamente era para dois jovens profetas necessitados. Eliseu transferiu a lepra para Geazi, não só porque ele havia mentido por razões pessoais, mas o que era ainda pior, seu interesse egoísta por dinheiro havia diminuído a eficiência do ministério de Eliseu para Deus. Esse incidente se apresenta como uma impressionante advertência a todos os servos do Senhor que colocam os interesses pessoais à frente da causa do mestre.

2 Reis 6:16

2 Reis 6:16


Liderados pelo seu rei, um grupo de sírios começou a perturbar Israel com incursões guerrilheiras. Eliseu, através da divina revelação, frustrou inúmeras vezes essas invasões ao informar o rei de Israel sobre esses planos. Dessa forma, ele permitiu ao rei não uma nem duas vezes evitar a armadilha dos sírios. Quando o rei da Síria soube que Eliseu informava contra eles cercou Dotã onde o profeta tinha se instalado. Furtivamente, à noite, os soldados sírios tomaram posição para estarem prontos na manhã seguinte, a fim de prender Eliseu quando ele saísse da cidade.

O servo de Eliseu ficou assustado quando, na manhã seguinte, viu os sírios acampados fora da cidade. A resposta do profeta permanece como um clássico exemplo de confiança e fé em Deus: NÃO TEMAS; PORQUE MAIS SÃO OS QUE ESTÃO CONOSCO DO QUE OS QUE ESTÃO COM ELES. Os olhos do servo, então, foram abertos para que enxergasse o exército que Deus havia disponibilizado.

Quando leio está passagem chego até a imaginar e vibrar ao mesmo tempo com a imagem que o servo viu. Deus é tão maravilhoso!

"Ver o invisível" é a importante lição dos versos 13-18. As circunstâncias podem ser ameaçadoras. O medo pode ser grande. Porém a nossa fé no nosso Deus é que traz o livramento.

2 Reis 7:9

2 Reis 7:9


Um dia de boas notícias ” é o tem a dos versos 3-11. Observamos aqui:

  1. Uma desesperada provação- O cerco da Síria contra Samaria exauriu o suprimento de alimentos da cidade e até o jumento, um animal impuro, foi usado como comida. Uma cabeça de jumento que era uma das partes do animal menos própria para se comer era vendida por cinquenta dólares americanos em prata( oitenta peças de prata). Também esterco de pombas era usado como alimento em tempos de seca. As mães voltaram-se ao canibalismo.
  2. Uma atitude corajosa: Quatro leprosos, aparentemente isolados em uma casa fora da cidade, decidiram que nada tinham a perder se fossem ao acampamento dos sírios.
  3. Uma grande descoberta- Eles descobriram que o local estava abandonado, pois os sírios haviam fugido quando Deus, miraculosamente, fez com que ouvissem o ruído de um grande exército.
  4. Uma satisfação pessoal: Quando os leprosos começaram a saquear e esconder para si alguns objetos e peças de roupa.
  5. O despertar de um senso de dever - NÃO FAZEMOS BEM; ESTE DIA É DIA DE BOAS NOVAS E NOS CALAMOS.
  6. O fim do cerco: A palavra de Deus dada a Eliseu se cumpriu e o povo teve o que comer. E as previsões de Eliseu, a respeito das condições da libertação e da morte do capitão do rei, cumpriram-se plenamente.

Conclusão: Se foi Deus quem te prometeu, creia. Ele é fiel e muito capaz de cumprir!

2 Reis 13:17

2 Reis 13:17


A ordem relacionada ao uso do arco e das flechas estava relacionada com a Síria, que era a nação que oprimia Israel. Uma flecha lançada em direção ao oriente simbolizava a vitória em Afeca; as setas lançadas ao solo simbolizavam a vitória de Israel sobre a Síria.

Eliseu se indignou muito contra Joás, rei de Israel, por saber que confiar e se apoiar em outras nações era uma atitude errada. Era necessário ter uma completa confiança em Deus para que fossem ajudados contra as nações estrangeiras que procuravam oprimir Israel.

Portanto, não tenha medo ou fique tímido(a) ou inseguro quanto as promessas de Deus, Ele quer sua total confiança Nele. Se Ele mandou você fazer faça, ele garante sua vitória! Seja forte na luta contra satanás e demônios.

Coragem!

2 Reis 17:16-18

2 Reis 17:16-18


Nessa passagem aprendemos que o Senhor permitiu que Israel fosse levado cativo e conduzido ao exílio por causa de sua desobediência. Você já se descuidou em fazer o que Deus lhe pediu que fizesse, permitindo que o pecado entrasse em sua vida? Não deixe que o diabo, o nosso inimigo, o conduza ao cativeiro do pecado é da desobediência; isto só leva a destruição.

OREMOS:
Deus, oro para que eu não ceda a influência e aos costumes do mundo que me cerca, mas que eu possa sempre te honrar e vai obedecer.

2 Reis 17:32-33

2 Reis 17:32-33


Aquilo que pode ser chamado de “ Anatomia de uma falsa fé” está descrito nesses versos.

Não foram descritas a maneira nem a época em que aconteceu uma tentativa de purificar a religião dos samaritanos. O ponto crucial a ser notado é que essa empreitada foi mal sucedida. Como era do conhecimento do historiador, desde o início e ao longo de sua história, os samaritanos nunca aceitaram a verdadeira adoração a Deus, v 34 diz: Até o dia de hoje fazem segundo seus primeiros costumes; não temem o Senhor.

  1. Serviam a Deus apenas no modo de falar. É como hoje, aqui mesmo no Brasil, muitas pessoas aprenderam a dizer: tá amarrado! Sangue de Jesus tem poder! Tá repreendido! São apenas maneiras de falar, ou como alguns dizem: é "evangeliquez".
  2. Dedicação na prática a outros interesses.
  3. Vidas que não apresentavam qualquer mudança. É como também acontece muito de você evangelizar alguém e essa pessoa retorna pra você com a conhecida frase: eu? Pra ser crente igual a fulano? Fico na minha religião mesmo. Porque alguns estão na igreja e não tem qualquer mudança positiva.
  4. Votos esquecidos. Existem muitos que quando estão sofrendo por algum motivo prometem que se Deus lhes livrar, curar, abrir uma porta de socorro, vão ser fiéis a Deus e tal... Tendo seu problema resolvido, dão as costas e se vão.
  5. Abandono das heranças do passado. Muitas pessoas são educadas e ensinadas dentro de uma cultura cristã. Um ensinamento por parte da família. Mas na juventude, abandonam , esquecem e muitos nem voltam mais. E falando pra nós brasileiros, num país cheio de crimes, assassinatos, esse abandono as vezes custa caro, tem suas vidas ceifadas sem tempo de voltar.

Deus nos ajude a seguir firme com a nossa fé! A redenção está próxima!
Falta pouco.

2 Reis 19:1, 3

2 Reis 19:1, 3


ENFRENTANDO AS AMEAÇAS DA VIDA

O rei Ezequias reconheceu que a situação era grave demais para ele e os recursos humanos de seu povo. Sua oração é um modelo por sua objetividade, simplicidade e completa dependência.

  1. A gravidade da situação era claramente vista
    A cidade estava sitiada não tinham para onde fugir. Lá fora , Senaqueribe zombava de Deus dizendo que ele não os ajudaria.
  2. Deus é o único refúgio
    Ao rasgar suas vestes e vestir-se de saco, Ezequias propositadamente expôs seu pesar e luto. A expressão “entrou na casa do Senhor ” possivelmente sugere que Ezequias liderou seu povo a um período de jejum e oração. Quando só Deus pode dar jeito, corra para seus pés através da oração e jejum.Essa foi uma correta fonte de ajuda.
  3. O Senhor se preocupa com a honra do seu nome
    Deus traria a libertação por amor ao seu nome ( por amor de mim,34) e por causa de sua palavra transmitida a Davi (2 Sm 7:10-16)
  4. Ele sabia que Deus era capaz
    A resposta de Deus à oração de Ezequias, era uma resposta de esperança para o rei de Judá e a angustiada Jerusalem. A atitude deles com relação a Senaqueribe poderia ser de desprezo e zombaria. E assim Deus declarou a Senaqueribe: Eu te farei voltar pelo caminho de onde vieste.

Assim, ao enfrentar as lutas da vida, busque ao Senhor. Não tente resolver sozinho pelo seu próprio entendimento. O Senhor tem sempre uma saída, uma porta aberta, um livramento na hora que você precisa.

Deus te abençoe!

2 Reis 20:2-3

2 Reis 20:2-3


Ezequias era um homem cujas orações foram atendidas. Na época em que estava próximo de morrer, por conta de um furúnculo ou carbúnculo, Deus o ouviu. A base de sua petição foi uma vida de fidelidade anteriormente à sua doença.

Deus respondeu à oração de Ezequias curando-o e acrescentando quinze anos à sua vida (Deus nem sempre responde desse modo, mas, no caso de Ezequias, Ele o fez). Parece que embora Deus tenha atendido ao pedido de Ezequias, aquilo não era o melhor para ele. Mais tarde, ele deu terrivelmente errado. Precisamos nos lembrar que a única oração segura é pedir para que se faça a vontade de Deus. A melhor oração sempre reconhece que não sabemos realmente, na maioria dos casos, o que é melhor para nós. Assim devemos estar dispostos a dizer: "Faze o que quiseres, Senhor".