Encorajamento / explicação por Texto Bíblico (do Dia) - Êxodo

Êxodo 1:17

Êxodo 1:17
  • Quando as parteiras tiveram que escolher entre temer a Deus e obedecer as ordens do rei do Egito, elas escolheram temer a Deus. Como você reagirá quando enfrentar uma escolha entre agradar ao homem e obedecer a Deus? As parteiras foram recompensadas com famílias, não pela explicação que deram, mas porque temeram a Deus.

Êxodo 3:3

Êxodo 3:3

Vida piedosa é viver com Deus em sua vida e com a vida dEle em você. Ele nos dá orientação para ajudar-nos a construir as nossas vidas sobre os seus preceitos.

Deus nos chama a praticarmos os atos de fé que edificam a piedade. SEM FÉ, OS NOSSOS ATOS SE TORNAM RELIGIÃO VÃ. A piedade incluída prática piedosa e evita atos religiosos vãos.

É através dessa atividade da plenitude do Espírito na vida de cada crente que continua o ministério de Cristo em sua igreja.
Mas recebereis PODER, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis MINHAS TESTEMUNHAS tanto em Jerusalém como em toda Judeia e Samaria e até os Confins da terra. Atos 1:8

  1. Esteja vigilante para perceber a atuação de Deus. Ele com frequência se manifesta de formas inesperadas.
  2. Participe regularmente da Ceia do Senhor. Assim nós compartilhamos sua libertação e vida.
    E o sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes; vendo eu o sangue, passarei por cima de vós, e não haverá entre vós pragas de mortandade, quando eu ferir a terra do Egito Êxodo 12:13.
    Fique tranquilo enquanto Deus opera. Você verá a sua libertação.
  3. Celebre as bençãos que Deus lhe concede.

Êxodo 3:14

Êxodo 3:14


A VIDA CRISTÃ BEM SUCEDIDA INICIA QUANDO SE CONHECE QUEM É DEUS.

O verdadeiro conhecimento de Deus afetará o nosso comportamento.

Êxodo providencia quatro princípios que tornarão as nossas vidas mais fiéis e frutíferas.

  1. ENTENDA QUE DEUS É. O seu nome é “ EU SOU O QUE SOU” . Confie neste fundamento. ESTEJA ENRAIZADO E ESTABELECIDO NELE.
  2. RECEBA DEUS COMO “ O SENHOR QUE TE SARA” . Curar é parte de sua natureza, a sua vontade é que sejamos sãos.
  3. CONFIE QUE DEUS É “ O SENHOR, A TUA BANDEIRA “ Entregue-se completamente a Ele!
  4. BUSQUE A DEUS, que é “O SENHOR QUE TE SANTIFICA”. A sua vida em nossa vida torna a nossa santidade possível

Êxodo 3:14

Êxodo 3:14
  • 👉🏻 A VIDA CRISTÃ BEM SUCEDIDA INICIA-SE QUANDO SE CONHECE QUEM É DEUS.

  • Em Êxodo Deus revela parte de sua natureza e caráter. O VERDADEIRO CONHECIMENTO DE DEUS AFETARÁ NOSSO COMPORTAMENTO.

  • Êxodo providência quatro princípios que tornarão as nossas vidas mais fiéis e frutíferas.

  • ENTENDA QUE DEUS É! O seu nome é “EU SOU O QUE SOU” . Confie neste fundamento. Esteja enraizado e estabelecido nele.

  • RECEBA DEUS COMO “O SENHOR QUE TE SARA”. Curar é parte de sua natureza; a sua vontade é que sejamos sãos.

  • CONFIE NO DEUS QUE É:”O SENHOR É TUA BANDEIRA “ quando você entregar-se a Ele - a sua luta será vitoriosa.

  • USQUE A DEUS QUE É “O SENHOR QUE TE SANTIFICA”. A sua vida em nós torna a nossa santidade possível.

Deus te abençoe vencedor (a)!

Êxodo 4:17

Êxodo 4:17

O segredo do sucesso de Moisés foi levar ESTA VARA NA MÃO. Neste capítulo, levar a “vara de Deus “ significa:

  1. A rendição completa de si mesmo a Deus.
  2. O meio pelo qual as pessoas reconheceriam a presença de Deus.
  3. O canal pelo qual Deus mostraria seu poder.

Se você quer ter vitória diante de coisas que parecem impossíveis aos seus olhos, leve a vara de Deus com você. Diga: Senhor eu sozinho (a) não posso, mas o Senhor tudo pode por mim. Confie no Senhor, entregue suas preocupações a Ele, e o mais... Ele fará.

Êxodo 5:22

Êxodo 5:22
  • Às vezes a fé iniciante é fraca. No princípio, o povo tinha crido em Moisés, mas esta prova severa levou-os a duvidar.

    No mesmo dia o Faraó deu a seguinte ordem aos feitores e capatazes responsáveis pelo povo: "Não forneçam mais palha ao povo para fazer tijolos, como faziam antes. Eles que tratem de juntar palha! Mas exijam que continuem a fazer a mesma quantidade de tijolos..." Ex 5:6-8
  • Moisés logicamente estava errado! Como Deus poderia estar em ação quando as coisas ficam piores? Ainda tinham de aprender que fica mais escuro justamente antes do raiar do dia, que todas as coisas devem ser contadas como perda (Fp. 3:8) para que Deus se torne tudo e que Deus liberta quando a pessoa chega ao fim de si mesma.
  • O apelo foi feito por Moisés ao Senhor. Em vez de dar uma resposta aos oficiais do povo, ele foi diretamente a Deus. Muitas vezes é fútil fazer o contrário, sobretudo quando a mente está confusa. Era nitidamente claro que a situação piorara. Não havia sinal externo de que Deus começará uma libertação. Moisés perguntou: Por que me enviaste?
    O Senhor se agrada quando vamos a sua presença com os nossos “por quês?” e “para quês?” Quando a fé está em crescimento sempre há retrocessos. Deus frequentemente nos humilha antes mostrar seu braço forte. Muitos Santos clamaram: “ Até quando, ó verdadeiro e santo dominador? (Ap 6:10) mas Deus cuida de cada movimento de seus filhos sofredores.

Êxodo 7:1

Êxodo 7:1


ANDANDO EM SANTIDADE

Deus nos chama para sermos santos, separado para Ele e seus propósitos.

Deus quer que o seu povo seja diferente em natureza e em caráter perante o mundo - diferente na maneira de pensar, agir e viver.

Saiba que Deus lida conosco diferente do que com o mundo.

Porei separação entre o meu povo é o teu povo; amanhã se fará este sinal (Exôdo 8:23).

Somente na terra de Gosen, onde estavam os filhos de Israel, não havia Saraiva (Exôdo 9:26).

Confie no sangue de Jesus para lhe proteger de todo mal (1 Pe 1:18,19).

Obedeça a palavra de Deus e você tornar-se-á sua propriedade particular (Êxodo 19:5).

Seja servo de Jesus. Ele lhe abrirá os ouvidos para ouvir a sua voz e compreender a sua palavra.

Seja zeloso pela santidade de Deus. Ele honra aquele que honra a Ele.

Êxodo 7:13

Êxodo 7:13

Certamente não devemos dizer que Deus leva o homem a ser mau. Faraó era responsável por sua má escolha e por afastar seu coração de Deus. Porém, quando a pessoa fixa sua vontade contra Deus, então Deus a entrega aos desejos ignóbeis que existe em seu coração (Rm 1:24); “ como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso (Rm 1:28). Deus mostra misericórdia a quem se entrega a Ele e endurece a quem o resiste (Rm 9:18). Talvez julgamento de Deus coloque alguns que se afastam da luz em certo lugar onde eles não podem mais se voltar para Ele (Hb 10:26-30). Deus concedeu vida e habilidade para a resistência de faraó a fim de fazer maior demonstração do seu poder e glória. Deus só endurece o coração de quem primeiro endurece o próprio coração. Ele ocasiona este endurecimento mediante intervenção extraordinária ou pelas respostas comuns às experiências de vida.

Êxodo 9:27-28

Êxodo 9:27-28
  • O FALSO ARREPENDIMENTO

    Desta vez, Faraó ficou tremendamente amedrontado. Confessou: Pequei; o SENHOR é justo. Pediu clemência e prometeu: Eu vos deixarei ir. Moisés atendeu o pedido de Faraó para que este soubesse que a terra é do SENHOR. Mas a esta altura Moisés sabia que o Reis seu povo ainda não temeriam diante do Senhor Deus.
  • O falso arrependimento:
  1. Possui a característica de confissão.
  2. Reconhece a justiça de Deus.
  3. Admite a incapacidade pessoal e busca a ajuda de Deus.
  4. Promete melhorias.
  5. Carece do temor de Deus.
  • É fácil para o indivíduo cujo coração é duro se endurecer ainda mais quando a adversidade passa. Muitos confessam os pecados, fazem promessas e parecem arrependidos sob julgamento, mas acabam revelando o verdadeiro eu quando a dificuldade diminui. A profundidade da mudança é conhecida quando as circunstâncias externas mudam. Sem mudança, não tem como acreditar, fica só o discurso.

Êxodo 13:17-18

Êxodo 13:17-18
  • As vezes Deus nos guia pelo caminho mais difícil porque Ele está fazendo uma obra especial em nós. Como podemos aprender a nos apoiar nele se tudo em nossa vida é fácil o bastante para que cuidemos de tudo sozinho? Deus guiou os filhos de Israel pelo caminho longo e difícil através do deserto para prepará-los para a batalha que iriam enfrentar ao possuir a terra prometida. Ele temia que quando vissem o inimigo, fugissem de volta para o Egito e voltassem ao antigo cativeiro. Deus queria mostrar quem ele era e ensinar que podiam depender dEle para lutar suas batalhas.
  • Muitos de nós pensamos que, após entrarmos na nossa terra prometida, não teremos mais batalhas espirituais. Não é verdade!
  • Se você sabe que Deus lhe pediu para fazer algo, não recue só porque está difícil. Quando as coisas ficarem difíceis, passe mais tempo com ele, dependa mais dEle e receba mais de sua graça.

Êxodo 14:11

Êxodo 14:11
  • Estes israelitas, como tantos novos-convertidos, embora libertos da escravidão do trabalho forçado, ainda possuíam “um coração mau e infiel”. Estavam com muito medo e cheios de dúvida, logo esquecendo os atos poderosos de Deus feitos a seu favor. Tinham concordado com os líderes, mas agora, diante da iminente catástrofe, a falta de compromisso sério se revelou.
  • Como é frequente a fé fraquejar justamente quando Deus está pronto para fazer sua maior obra! Mas Deus tinha seu homem de fé! O texto não diz o quanto Moisés tremia por dentro, nem é perceptível que ele já soubesse o que Deus ia fazer. Mas os encontros que teve com Deus lhe deram a certeza de que Deus estava no controle. Não havia nada que as pessoas poderiam fazer, exceto aquietar os temores, ficar quietas e ver o livramento do Senhor. Moisés pode declarar: O SENHOR PELEJARÁ POR VÓS E VOS CALAREIS. TÃO SOMENTE ACALMEM-SE. Não havia necessidade de mais clamores a Deus. Chegara o momento de marchar. Em nosso andar espiritual, chegamos a um ponto em que as orações medrosas cessam é o passo de fé deve ser dado.
  • Todas as vezes que os filhos de Israel temeram o desamparo de Deus, Ele estava trabalhando em seus propósitos.
  • Portanto, nunca duvide do cuidado de Deus sobre sua vida.

Êxodo 14:13

Êxodo 14:13


Moisés, porém, disse ao povo: Não temais; estai quietos, e vede o livramento do Senhor, que ele hoje vos fará; porque aos egípcios que hoje vistes, nunca mais tornareis a ver (Êxodo 14:13).

Aquieta-vos e vede o livramento do Senhor. Para o crente que enfrente grandes dilemas e se encontra em extrema dificuldades, esta é o ordem do Senhor. Quando está cercado em ocasiões assim devemos dar ouvidas somente a palavra do Mestre. O meu socorro vem do Senhor!

Êxodo 15:23-24

Êxodo 15:23-24

O PROBLEMA DA MURMURAÇÃO:

  • A liderança é cara, porque a culpa pela adversidade recai nos líderes. Estas pessoas sabiam que Moisés era homem de Deus; por isso, o pecado também era contra Deus. Grandes experiências com Deus não curam necessariamente o coração mau e queixoso. A murmuração cessa apenas quando crucificamos o eu e entronizamos Cristo somente (Ef 4:31,32).
  • A única coisa que Moisés poderia fazer era clamar ao Senhor. Não há dúvida de que Deus teria fornecido água potável em resposta a fé paciente de Israel, se tivessem permanecido firmes. O Senhor as vezes satisfaz nossos caprichos em detrimento da fé. Aqui as águas se tornaram doces, quando Moisés jogou um lenho nela, mas a fé de Israel continuou fraca. Desconhecemos método natural que explique este milagre.
  • Deus usou esta ocasião para ensinar uma lição a Israel, dando-lhe s estatuto é uma ordenação. Se as pessoas ouvissem a Deus e obedecessem inteiramente à sua palavra, elas seriam curadas de todas as enfermidades que Deus tinha posto sobre o Egito. Deus queria tirar o espírito de murmuração do meio do povo e lhe dar uma fé forte.

Êxodo 15:26

Êxodo 15:26


A vida cristã bem sucedida inicia quando se conhece quem é Deus.

Em Êxodo, Deus revela parte da sua natureza e caráter.

Entenda QUE DEUS É!

Eu sou o que sou!- CONFIE neste fundamento. ESTEJA ENRAIZADO E ESTABELECIDO NELE (Êxodo 3:14,15).

RECEBA DEUS COMO O SENHOR QUE TE SARA

Curar é parte da sua natureza; a sua vontade é que sejamos sãos (Êxodo 15:25,26).

BUSQUE A DEUS QUE É O SENHOR QUE TE SANTIFICA

A sua vida em nós torna a nossa SANTIDADE POSSÍVEL (Êxodo 31:13)

Êxodo 16:19

Êxodo 16:19
  • Neste episódio, a lição de Deus para Israel, como também para os cristãos, é que os crentes tem de depender de Deus dia após dia. A vida de Cristo no cristão é preservada a cada momento por sua permanência em Deus. A obediência diária e cuidadosa resulta em provisão regular; o descuido traz perturbação e julgamento. Israel aprendeu a colher o maná pela manhã, antes que o sol o derretesse; o alimento espiritual colhido de manhã cedo suporta o calor do dia.
  • Embora Moisés tivesse deixado claro que não haveria pão somente no dia de sábado(v.26), mesmo assim algumas pessoas passaram a colher o dobro durante a semana. Sempre há quem não acredita na palavra de Deus, desta forma recusando guardar seus mandamentos e leis. A ordem tornou-se mais explícita: Ninguém deveria sair do seu lugar no sétimo dia. Ninguém deveria sair do acampamento; as pessoas tinham de descansar no sétimo dia.
  • Amados, descansem no Senhor, sabendo, crendo e confiando que todas as tuas necessidades Ele já provei. Ele não abandona seus filhos! Nunca!

Êxodo 17:11

Êxodo 17:11

O PODER DA ORAÇÃO

  • No verso 12 diz que Arão e Hur mantiveram erguidas as mãos de Moisés, uma de cada lado, de modo que as mãos permaneceram firmes até o pôr-do-sol quando Josué derrotou o exército amalequita.

  • A vara de Deus indica nitidamente a importância da oração e da fé. A vitória na batalha contra satanás ocorre quando a oração é eficaz. O povo de Deus, quando ora a Deus em fé, derrota as forças invisíveis de satanás. O apoio de outras pessoas na oração ajuda a obter esta vitória. Os líderes responsáveis na obra de Deus não seriam bem sucedidos sem o sustento da oração dos crentes.

  • A ORAÇÃO: é necessária quando o inimigo ataca.
  • Torna-se poderosa no monte de Deus.
  • Precisa do sustento de outras pessoas.
  • Prevalece na vitória eficaz.

A ORAÇÃO TRAZ VITÓRIA!

  1. A obra de Deus prospera pela oração.
  2. Há necessidade de união na oração.
  3. Os altares testificam para as gerações futuras que Deus responde a oração.

Êxodo 18:17

Êxodo 18:17

O que estava acontecendo aqui era que o sogro de Moisés foi visitá-lo e viu que o trabalho era duro demais para Moisés fazer sozinho, pois ele ficava atendendo pessoas o dia todo para resolver suas questões e a multidão ficava lá esperando até que chegasse a vez de cada um. Então, Jetro deu o conselho para que Moisés procurasse pessoas capazes e dividisse esse trabalho com ele, deixando apenas as questões mais difíceis para Moisés.

Uma das formas mais rápidas de uma pessoa ficar esgotada no ministério é ser alguém que “agrada todo mundo” em vez de ser alguém que “agrada a Deus“.

Pessoas que querem agradar a todos têm dificuldades em colocar limites adequados no ministério. Mas precisamos entender que estabelecer limites é sábio e é sinal de força, não de fraqueza. Assim como Moisés, precisamos aprender que não podemos fazer tudo. Procure agradar somente a Deus, e você experimentará uma paz, uma liberdade que nunca antes conheceu.

Êxodo 20:3

Êxodo 20:3

O versículo 2 é a introdução do primeiro mandamento. Deus identifica quem tirou os filhos de Israel da servidão egípcia: O SENHOR. Visto que ele os libertara e provara que era supremo, eles tinham de torná-lo seu Deus. Não havia lugar para competidores. Todos os outros deuses eram falsos.

DIANTE DE MIM significa “lado a lado comigo ou além de mim”. Deus não esperava que Israel o abandonasse; Ele sabia que o perigo estava na tendência de prestar submissão igual a outros deuses. Este mandamento destacava o monoteísmo do judaísmo e do cristianismo.

O primeiro mandamento proíbe todo tipo de idolatria mental e todo afeto imoderado a coisas terrenas e que podem ser percebidas com os sentidos. Não existe verdadeira felicidade sem Deus, porque Ele é a fonte de toda alegria. Quem busca alegria em outros lugares quebra o primeiro mandamento e acaba na penúria e em meio a acontecimentos trágicos.
Mais tarde, os israelitas cairiam na armadilha de outros deuses para matar e sacrificar seus filhos. Como está acontecendo hoje na igreja de Satanás.

Êxodo 20:4-5

Êxodo 20:4-5
  • Como o primeiro mandamento afirma a unidade de Deus e é um protesto contra o politeísmo, assim o segundo afirma sua espiritualidade e é um protesto contra a idolatria e o materialismo. Embora certas formas de idolatria não sejam materiais - por exemplo, a avareza (Cl 3:5) ou a sensualidade ( Fp 3:19) — o segundo mandamento condena primariamente a fabricação de imagens na função de objetos de adoração. Este tipo de idolatria sempre existiu entre os povos pagãos mais simplórios do mundo. A história de Israel comprova que esta tentação é traiçoeira.

  • Estas imagens não deveriam se tornar objetos de adoração: Não te encurvarás a elas. Não há condenação para a confecção de imagens, contanto que não se tornem objetos de veneração. A idolatria consiste em transformar uma imagem em objeto de adoração e atribuir a ela poderes do deus que representa. Se considerarmos que gravuras ou imagens de pessoas possuem poderes divinos e que sejam adorados, então elas se tornam ídolos.

  • Deus apresentou os motivos para esta proibição. ELE É UM DEUS ZELOSO, no sentido de que não permite que o respeito e a reverência devidos a Ele sejam dados a outrem. Deus não regateia o sucesso ou a felicidade para as pessoas, como faziam os deuses gregos. É para o bem dos filhos de Deus que eles devem consagrar e reverenciar seu nome divino.

Êxodo 20:7

Êxodo 20:7

Tomar o nome do Senhor, teu Deus, em vão é “recorrer ao irrealismo, ou seja, servir-se do nome de Deus para apelar ao que não é expressão de caráter divino”. Tal uso profano do nome de Deus ocorre no perjúrio, na prática da magia e na invocação dos mortos. A proibição é contra o falso juramento e também inclui juramentos levianos e a blasfêmia tão comum em nossos dias. “ Este mandamento não obsta o uso do nome de Deus em juramentos verdadeiros e solenes”.

Deus odeia a desonestidade, e é pecado sério alguém usar o nome divino para encobrir um coração mau, ou para se fazer melhor do que se é. A pessoa que procura disfarçar uma vida pecaminosa, ao mesmo tempo em que professa o nome de Cristo, quebra esse terceiro mandamento. Tais indivíduos são culpados diante de Deus e só recebem misericórdia depois de se arrependerem. Os justos veneram o nome de Deus por ser santo é sagrado.

Êxodo 20:8-10

Êxodo 20:8-10

A razão para observar o sábado é que Deus fez a terra em seis dias e ao sétimo descansou; portanto, abençoou o Senhor o dia do sábado e o santificou. As escrituras não fazem uma lista de coisas que se deve fazer no sábado. A inferência inequívoca é que o dia é de descanso e adoração. As ocupações seculares e materialistas devem ser substituídas por atividades espirituais. Cristo condenou o legalismo que deu ao dia a forma severa e insensível, embora não tenha anulado a sacralidade do dia. Foi ordenado para o bem do homem (Mc 2.23-28).

A observância do dia do Senhor (domingo) como sábado cristão preserva o princípio moral que há nesse mandamento. A mudança do sábado judaico para o sábado cristão foi feita gradualmente sem perder necessariamente o propósito de Deus para este dia santo. Notamos que os versículos 9 e 10 não especificam o sábado nem o "sétimo dia da semana" como o dia do descanso sabático. A letra do mandamento é cumprida pela observação do dia seguinte aos seis dias trabalhados, como faz o cristão.

Êxodo 20:12

Êxodo 20:12

Honrar pai e mãe é o primeiro mandamento em relação aos homens e e rege o primeiro relacionamento que a pessoa tem com outrem: a relação dos filhos com os pais. Este mandamento é tão básico que é amplamente universal. A maioria das sociedades reconhece a importância de filhos obedientes. A melhor exegese desse versículo é a exortação de Paulo em Efésios 6:1-3, onde ele destaca a responsabilidade de pais e filhos. Com este mandamento ocorre uma promessa. Quem honra os pais tem a garantia de vida longa. O propósito desta promessa visava a nação em sua permanência na palestina e o indivíduo que obedece. A promessa ainda vigora: a nação cujos filhos são obedientes tem a promessa de vida mais longa. Haverá exceções a essa regra, mas aqui destacamos sua aplicação geral.

Êxodo 20:13

Êxodo 20:13

A vida é a possessão humana mais estimada e é errado privar alguém da vida sem justa causa. A história de Israel mostra que este mandamento não é absoluto. Houve a adição de outras cláusulas, como homicídio desculpável (21:13), o homicídio acidental (Nm 35:23) e o homicídio justificável (22:2). Israel também foi autorizado a matar os inimigose assassinos de sangue frio. Não há exegese racional que condene a pena de morte ou guerra simplesmente com base neste mandamento. Jesus esclareceu seu significado quando o citou: "Não matarás" (Mt 19:18).

Esforços individuais e comunitários são necessários para preservar a vida humana.

Êxodo 20:14

Êxodo 20:14

A pureza sexual é o princípio subjacente neste mandamento. Adultério constituiu-se em relações sexuais ilícitas feitas por alguém casado. Tratava-se de pecado contra a família. Mas este mandamento é aplicável a todos os tipos de imoralidade sexual. A concepção em vigor atualmente que afirma haver exceções a regra não tem justificativa. Jesus deixou claro que o adultério está no coração e ocorre antes do ato.

Mateus 5:28 Eu, porém, vos digo que todo aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.

Este mandamento condena todas as relações sexuais que acontecem fora do laço matrimonial. Também infere a proibição de atos que precedem e conduzem ao ato sexual.

Êxodo 20:15

Êxodo 20:15
  • Este mandamento regula o direito o direito da propriedade particular. É errado tomar de outro o que é legalmente dele. Constitui roubo quando a pessoa se apossa do que legalmente pertence a uma empresa ou instituição. Não há justificativa para a “apropriação “ mesmo quando a pessoa sente que o produto lhe é devido. Este mandamento é quebrado quando a pessoa intencionalmente preenche a declaração do imposto de renda com informações falsas, desta forma retendo tributos devidos ao governo. Esta prática é imprópria mesmo que o cidadão desaprove o governo.
  • Também passa a ser roubo o ato de tirar vantagens de outrem na venda de propriedades ou produtos, ou na administração de transações comerciais. É impróprio pagar salários mais baixos do que devem receber por direito. O amor do dinheiro é o pecado básico condenado por este mandamento. A obediência é perfeita somente com o coração puro.

Êxodo 20:16

Êxodo 20:16

Enquanto que o roubo nos priva da propriedade, a conduta da falsa testemunha nos rouba da boa reputação. Seja no tribunal ou em outro lugar, nossa palavra sempre deve ser verdadeira. Não devemos divulgar um relato até que verifiquemos sua veracidade. A repetição da fofoca é imoral; antes de falar devemos averiguar a correção do que dizemos. Há ocasiões em que mesmo a informação verdadeira não deve ser propagada; não temos a obrigação de anunciar a todos o que sabemos que é a verdade. Mas quando falarmos, até onde sabemos, sempre devemos dizer a verdade.

Êxodo 20:17

Êxodo 20:17
  • Este décimo mandamento está por baixo de quatro precedentes, visto que atinge o propósito do coração. Matar, roubar, adulterar e mentir são resultados de desejos errados que inflamam nosso ser. É singular que a lei hebraica inclua este desafio ao nosso pensamento e intenção. "Os antigos moralistas não reconheciam esta condição" e não condenavam os desejos maus. Mas é no coração onde se inicia toda a rebelião, e este mandamento revela o aspecto interior de todos os mandamentos de Deus.
  • Paulo reconheceu este aspecto interior da lei quando se conscientizou de sua condição pecaminosa (Rm 7:7). Muitas pessoas são absolvidas de crimes com base em atos exteriores ou juventude, mas são condenadas quando levam em conta os pensamentos interiores. Estes desejos cobiçosos são, por exemplo, pela propriedade ou pela mulher pertencente ao próximo. Tais desejos criminosos precisam ser purgados pelo Espírito Santo de Deus; só assim viveremos em obediência perfeita à santa lei de Deus.

Êxodo 33:14

Êxodo 33:14


Demonstrando o amor de Deus!

  • Vida piedosa é viver com Deus em sua vida e com a vida dele em você.
  • Deus nos chama a praticarmos atos de fé que edificam a piedade.
    Sem fé, os nossos atos se tornam religião vã.
  • A piedade inclui a prática piedosa, que é a demonstração do amor de Deus através de nós.
  • Célebre as bençãos que Deus lhe concede.
  • Descanse em Deus e nas suas promessas!

Deus é contigo! Ele te olha e te vê! Confie, confie e confie!e não virem sinais e prodígios, não crerão. Eu quero obedecer sem questionar.

A obediência é o fruto da fé; a paciência é o vigor desse fruto.