INSTITUTO EVANGÉLICO BEM DO BRASIL

O que é Fofoca?

Fofoca

A fofoca consiste não somente no ato de fazer afirmações não baseadas em fatos concretos, especulando em relação à vida alheia mas também em divulgar fatos verídicos da vida de outras pessoas sem o consentimento das mesmas, independente da intenção de difamação ou de um simples comentário sem fins malignos.

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE FOFOCA?

  1. A palavra fofoca não aparece na Bíblia. No entanto, vários sinônimos dela aparecem. Por exemplo, em Levítico 19:16 a Bíblia nos orienta: “Não andarás como mexeriqueiro entre o teu povo; não atentarás contra a vida do teu próximo. Eu sou o SENHOR”. Observe que o “mexerico” ou a “fofoca” é apontada aqui como algo que atenta contra a vida do próximo, daí a ordem de não sermos mexeriqueiros. A Bíblia também fala do maldizente (Provérbios 18:8) e do difamador (Provérbios 16:28). Todas essas palavras apontam para a fofoca.
  2. Além disso, observamos em diversos textos, sérias advertências a respeito de espalhar fofocas das pessoas. Em Provérbios 6:16 e 19 Deus diz que abomina tal ato: “Seis coisas o SENHOR aborrece, e a sétima a sua alma abomina (…) testemunha falsa que profere mentiras e o que semeia contendas entre irmãos”. Isso demonstra claramente o que a Bíblia ensina sobre a fofoca, ou seja, a Bíblia sempre a relaciona como algo mau, como um comportamento não aceitável.

Os perigos da fofoca

  1. Outro fato bíblico muito importante é que a Bíblia nos indica que a nossa língua é perigosa. O texto de Tiago 3:6 nos mostra o quanto a língua é perigosa: “Ora, a língua é fogo; é mundo de iniquidade; a língua está situada entre os membros de nosso corpo, e contamina o corpo inteiro, e não só põe em chamas toda a carreira da existência humana, como também é posta ela mesma em chamas pelo inferno”. Esse é um texto forte que mostra que uma língua controlada pelo desejo da fofoca, da maledicência e de outros pecados da língua, tem grande poder de destruição não só da própria pessoa, mas também de outros.
  2. O servo de Deus é incentivado na Bíblia a controlar seus lábios, a resistir ao desejo de fofocar da vida dos outros. Antes, ele é incentivado a usar as palavras para abençoar: “No muito falar não falta transgressão, mas o que modera os lábios é prudente” (Provérbios 10:19). Isso mostra que se falamos muito e sem pensar, corremos o risco de pecarmos muito mais. O que a Bíblia ensina sobre fofoca? Este texto resume muito bem: “O mexeriqueiro (fofoqueiro) descobre o segredo, mas o fiel de espírito o encobre” (Provérbios 11:13 – acréscimo meu entre parênteses).

Não podemos fazer comentários e julgamentos sobre o próximo?

  1. A Bíblia não proíbe que façamos comentários e analisemos questões que envolvem outras pessoas. Muitas vezes teremos de fazer isso em nossa família, trabalho, estudos, igreja, etc., a fim de nos posicionarmos sobre questões que envolvem outras pessoas. Mas devemos ser sábios para não sermos propagadores de mentiras e acréscimos sobre fatos que envolvem outros.

    E ainda devemos ter grande cuidado de não sermos propagadores de fatos (ainda que verdadeiros), mas que não edificam. Nossa postura deve ser sempre a de preservar a honra do próximo e de barrar quaisquer informações que não contribuam com a edificação. Jesus mandou julgarmos as coisas baseados na reta justiça: “Não julgueis segundo a aparência, e sim pela reta justiça” (João 7:24). Isso significa que não devemos fazer com o próximo aquilo que não gostaríamos que fosse feito conosco. Devemos ser corretos e íntegros e para sermos assim a fofoca não deve ter lugar em nossa vida.
  2. Por isso, agora sabendo o que a Bíblia ensina sobre fofoca, quando aparecer alguma diante de nós, devemos ser sábios e rejeitá-la. Seja quando ela nasce dentro de nós e cria um forte desejo de propagá-la, seja quando ela vem de outras pessoas com o desejo de que nós também saibamos e também propaguemos. Não faça fofoca. E se você souber de uma fofoca, não seja um agente propagador dela.

Deus te abençoe!

Texto Fofoca ná Biblia

Êxodo 23:1

Não levantarás falso boato, e não pactuarás com o ímpio, para seres testemunha injusta.

Salmos 15:2-3

Aquele que anda irrepreensivelmente e pratica a justiça, e do coração fala a verdade; 3 que não difama com a sua língua, nem faz o mal ao seu próximo, nem contra ele aceita nenhuma afronta.

Salmos 34:13

Guarda a tua língua do mal, e os teus lábios de falarem dolosamente.

Provérbios 10:18

O que encobre o ódio tem lábios falsos; e o que espalha a calúnia é um insensato.

Provérbios 11:9, 13

O hipócrita com a boca arruína o seu proximo; mas os justos são libertados pelo conhecimento.
O que anda mexericando revela segredos; mas o fiel de espírito encobre o negócio.

Provérbios 13:3

O que guarda a sua boca preserva a sua vida; mas o que muito abre os seus lábios traz sobre si a ruína.

Provérbios 16:28

O homem perverso espalha contendas; e o difamador separa amigos íntimos.

Provérbios 26:20

Faltando lenha, apaga-se o fogo; e não havendo difamador, cessa a contenda.

Mateus 5:11

Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguiram e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa.

Romanos 2:1

Portanto, és inescusável, ó homem, qualquer que sejas, quando julgas, porque te condenas a ti mesmo naquilo em que julgas a outro; pois tu que julgas, praticas o mesmo.

1 Coríntios 6:9-10

Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, 10 nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbedos, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.

Efésios 4:29

Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que seja boa para a necessária edificação, a fim de que ministre graça aos que a ouvem.

1 Tessalonicenses 4:11

E procureis viver quietos, tratar dos vossos próprios negócios, e trabalhar com vossas próprias mãos, como já vo-lo mandamos.

2 Timóteo 2:16

Mas evita as conversas vãs e profanas; porque os que delas usam passarão a impiedade ainda maior.

Tiago 1:26

E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito há nisso?