INSTITUTO EVANGÉLICO BEM DO BRASIL

O que é Humildade?

Humildade

O que é Humildade?

  1. Qualidade de humilde.
  2. Virtude caracterizada pela consciência das próprias limitações; modéstia, simplicidade.

O que a Bíblia fala sobre Humildade?

  1. Humildade significa subordinar-se, mas não engatinhar
    Humildade e submissão vao de mãos dadas. A palavra de Deus diz que nós, como cristãos devemos submeter-nos uns aos outros em humildade. "E vos jovens sujeitai-vos aos mais velhos. E todos vocês devem revesti-se com humildade para com o outro. Porque Deus resiste aos soberbos, mas aos humildes dá graça" 1 Pedro 5:5-6.

    Subordinando a nós mesmos e «vestindo-nos de humildade» podemos criar a paz ea unidade com os outros. Nós não devemos ser tão orgulhosos e altos que não podemos receber repreensão ou advertência. Também não devemos ter a mentalidade de que as nossas próprias opiniões e pensamentos são sempre melhores do que os dos outros. Pensar assim não nos leva a progredir ou a unidade em Cristo.

    Ser submisso e humilde, não significa de qualquer forma que devemos nos curvar para outras pessoas. Paulo foi muito claro quando disse que devemos servir a Deus e somente Deus. "Porque fostes comprados, não sejais servos dos homens!" 1 Co 7:23. Ele também escreve: "Eu procuro agora ser reconhecido por pessoas– ou por Deus? Ou eu procura agradar a homens? Se eu ainda procuro agradar as pessoas, eu não sou servo de Cristo" Gl 1:10.
  2. Humildade não significa que somos pessoas silenciosas ou passivas
    «Seu ornamento não será o externo… mas o homem oculto do coração, com o ornamento incorruptível – um manso e tranqüilo espírito, que é precioso para Deus.» 1. Pedro 3,3-4. Deus quer que os cristãos têm um espírito manso e tranqüilo. É de extrema importância que somos humildes e tranquilos, no nosso homem interior, para que possamos ouvir o Espírito de Deus falando aos nossos corações ao longo do dia.

    Ter um espírito manso e tranqüilo, não significa que devemos ser pessoas passivas. Deus exige também acção e zelo em nossas vidas. Jesus nos ensina que o reino dos céus é tomado à força. (Mateus 11.12) quem quer uma vida mais profunda em Cristo percebe que precisa ser zeloso e humilde em seu homem interior. O pecado não pode ser permitido a prevalecer no coração de um discípulo! Se formos humildes em nosso homem interior, com o desejo de fazer a vontade de Deus, vamos fazer de tudo para manter nossos corações e mentes puros. Paulo escreve: "Não sejais mornos no fervor! Sejam fervorosos no espírito, sirvam ao Senhor!" Rm 12:11.
  3. A humildade é a chave para o progresso
    "Deus resiste aos soberbos, mas aos humildes dá graça. Submetei-vos, portanto, a Deus! Resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Aproximem-se de Deus e ele se aproximará de vos. … Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará." Tiago 4,6-8.10. Deus trabalha de acordo com as leis. É uma lei da natureza que, se nós nos humilhamos sob a poderosa mão de Deus, e entregamos nossa vontade e honra, ele nos dará a graça que precisamos para viver uma vida cristã, em verdade, e exaltar-nos em devido tempo.

    Ser humilde é ter a mesma mentalidade como Jesus Cristo. Ele teve a semelhança de Deus, mas não considerou a igualdade com Deus como algo que ele deveria segurar. Em vez disso, ele assumiu uma posiçao de escravo e veio em semelhança de homens. "E depois, sendo encontrado em forma de homem, humilhou-se e foi obediente até à morte– sim, a norte de cruz." Fp 2:7-8.

    Jesus é o maior exemplo de humildade. Ele não valorizou a sua própria reputação ou honra, mas ofereceu-a voluntariamente em qualquer situação, de modo que a vontade de Deus pode ser feita e Deus pode ser glorificado através de sua vida.

O que significa lavar as pés?

Depois de lavar os pés de todos os discípulos, Jesus tomou Suas vestes e se sentou outra vez à mesa e chegou a hora de explicar aos discípulos o significado de Seu gesto, então Jesus explicou: Entendeis o que vos tenho feito? Vós me chamais Mestre e Senhor, e dizeis bem, porque eu o sou. Ora, se eu, Senhor e Mestre, vos lavei os pés, vós deveis também lavar os pés uns aos outros (João 13:12-14).

Era uma lição de humildade, trocando em miúdos, Jesus sendo o maior entre eles fez o papel do mais humilde servo, como forma de ensinar a todos eles, como deveriam proceder uns com os outros. Em outra passagem, Jesus já havia dito: Não será assim entre vós; mas todo aquele que quiser entre vós fazer-se grande seja vosso serviçal; E, qualquer que entre vós quiser ser o primeiro, seja vosso servo (Mateus 20:26,27).

Essa é a lógica inversa do Reino de Deus: quem quiser ser o maior, seja o menor servo e ainda disse que o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir, porém como os discípulos só aprendiam pelo exemplo, Jesus lavou os pés de Seus discípulos.

Muitos pensam que Jesus veio a passeio a este mundo, por isso o imaginam como hippie, revolucionário, profeta, ou como alguém que veio pregar o amor e fracassou, já que o mundo sempre esteve em guerras, conflitos e mesmo dentro das igrejas formais, o amor passa longe de muita gente boa.

Jesus é o Filho de Deus, é Deus e Sua missão jamais poderia ser frustrada. Ele veio para resgatar a muitos de seus pecados, Ele veio para salvar todo aquele que Nele crê, Jesus é o Deus Salvador. Para ser salvo por Ele? Basta crer que Ele é Deus, que Deus O ressuscitou dos mortos e Ele está vivo para sempre e confessar isso com seus lábios.

Quais as caracteristicas de uma pessoa humilde?

Humildade é a qualidade de quem age com simplicidade, uma característica das pessoas que sabem assumir as suas responsabilidades, sem arrogância, prepotência ou soberba.

Em teoria, a humildade é tida como uma qualidade bastante positiva e benéfica, onde ninguém é pior ou melhor do que os outros, estando todos no mesmo nível de dignidade, de cordialidade, respeito, simplicidade e honestidade.

Qual a importância de ser uma pessoa humilde?

A humildade é um sentimento de extrema importância, porque faz a pessoa reconhecer suas próprias limitações, com modéstia e ausência de orgulho.

Qual é o valor da humildade?

Faz com que a pessoa haja de modo mais modestia, simpatia e acessíbilidade com outras pessoas ou situações.

O que fazer para ser uma pessoa humilde?

É difícil ser humilde”, diz uma velha música country, "quando se é perfeito de todos os jeitos". É claro, poucas pessoas acham que são perfeitas em tudo. Mas ainda pode ser bastante difícil ser humilde, especialmente se você vive numa sociedade que encoraja a competição e a individualidade. Ainda assim, mesmo em tal cultura, a humildade continua sendo uma importante virtude. Aprender a ser humilde é de suma importância na maioria das tradições espirituais. Acima de tudo, a humildade pode ajudá-lo a desenvolver relacionamentos mais completos e ricos com os outros.

  1. Admita que você não é melhor em tudo – ou em qualquer coisa. Independentemente do quão talentoso você seja, sempre haverá alguém melhor em algum aspecto. Olhe essas pessoas melhores e veja como você pode aprimorar certos atributos seus.
  2. Reconheça suas próprias culpas. Nós julgamos os outros por ser muito mais fácil fazer isso do que julgarmos a nós mesmos. Infelizmente, isso é completamente pouco produtivo e, em muitos casos, prejudicial. Julgar os outros pode prejudicar relacionamentos e impedir que novos laços se formem. Talvez pior: isso impede que tentemos melhorar.
  3. Seja grato pelo que você tem. Suponhamos que você se formou como melhor aluno de sua classe ou entrou na Ivy League. Você definitivamente merece muito crédito por tantas horas de estudo e pela sua perseverança. Considere, porém, que haja alguém tão inteligente e esforçado quanto você que tenha pais menos atenciosos, que tenha crescido em um lugar diferente ou que tenha feito uma escolha errada em algum momento da vida. Você poderia estar no lugar de tal pessoa.
  4. Não tenha medo de cometer erros. Parte de ser humilde é compreender que você cometerá erros. Compreenda isso e entenda que todos cometem erros – um fardo pesadíssimo sairá de seus ombros. Qualquer pessoa sabe apenas pequenos fragmentos e pedaços de um tremendo conhecimento, que se acumulou no passado.
  5. Ao cometer erros, admita-os. Não ter medo de cometer erros já é uma boa ação; é melhor ainda, porém, admitir qualquer erro que tenha cometido. Independentemente de você ter cometido um erro como chefe, pai ou amigo, as pessoas gostarão de vê-lo admitindo que não é perfeito e que está trabalhando duro para melhorar e remediar o que fez de errado. Admitir os erros demonstra que você não é egoísta, teimoso ou indisposto a não parecer perfeito.
  6. Evite se gabar. Não fale de quão incríveis são suas conquistas: se você realmente fosse tão bom, as outras pessoas reconheceriam seus esforços e o elogiarão por eles. Não fale sobre sua incrível promoção, da pintura inacreditável que acabou de terminar ou da sensação maravilhosa de ter terminado uma maratona. Claro, essas coisas são incríveis, mas gabar-se por elas apenas fará com que você pareça centrado em si mesmo e impressionará muito menos as pessoas. Pessoas ficam impressionadas quando DESCOBREM que você é incrível.

Como trabalhar a humildade na educação infantil?

Como ensinar as crianças a serem humildes: A humildade é um valor esquecido demais ultimamente. É necessário para o relacionamento entre as pessoas e também para a autoconfiança. Todos os pais querem que seus filhos sejam felizes, tenham auto-estima e confiança em suas habilidades, e para conseguir isso, precisam ensinar-lhes a humildade para garantir tudo isso.

Ser humilde permite que você seja cordial com as pessoas ao seu redor, você é capaz de ouvir os outros, você aprende a colocar outras pessoas à frente de si mesmo. Ensinar as crianças a serem humildes desde cedo permitirá que elas tirem vantagem de sua humildade natural e não a esqueçam no caminho.

  1. Seja seu melhor exemplo
  2. Ajudar os outros
  3. Jogos para entender melhor
  4. Valorize todas as pessoas
  5. Peça perdão pelos seus erros
  6. Definir metas apropriadas (Mentiras ou armadilhas, não são aceitas para trabalhar humildade.)

O que fazer com filhos arrogantes?

[O arrogante] não deseja ouvir os outros, aprender algo de que não saiba ou sentir-se ao mesmo nível do seu próximo. São sinônimos, o orgulho excessivo, a soberba , a altivez , o excesso de vaidade pelo próprio saber ou o sucesso.

  1. Ajude-o a desenvolver empatia em relação às necessidades alheias
  2. Seja prudente ao elogiá-lo
    Seu filho pode tornar-se arrogante se você o coloca num pedestal por ele ter talentos, beleza física ou um QI elevado. Seja sábio ao elogiá-lo. Jamais o compare a outras crianças. A tendência é que ele se distancie delas ou as trate mal, pensando serem inferiores a ele.
  3. Mostre-lhe o que realmente tem valor
    Faça-o entender que não são os bens materiais, a beleza, os talentos, nem a popularidade que farão dele uma pessoa melhor. Mostre-lhe que seus maiores tesouros são a sua família, suas boas obras, sua integridade. Conte-lhe que muitas pessoas roubam, enganam, traem e participam de outros embustes motivados pela cobiça e para obter status.
  4. Evite dar tudo o que ele deseja
    Jamais deixe seu filho pensar que pode ter tudo o que ambiciona, no momento em que desejar. Se atender prontamente a todos os seus desejos, você estará encorajando-o a ser consumista e egocêntrico. No dia em que você não puder dar o que ele pede, ele poderá fazer coisas terríveis para demonstrar sua revolta ou para tentar conseguir aquilo que tanto deseja.
  5. Dê-lhe responsabilidades
    Faça com que ele ajude nas tarefas da casa. Dê-lhe, também, alguns trabalhos remunerados (que não estejam relacionados às suas obrigações cotidianas). Ele precisa sentir na pele que não é fácil ganhar dinheiro. Isso o ajudará a compreender melhor os conceitos trabalho e sacrifício.
  6. Ajude-o a desenvolver gratidão
    Lembre-o de que sem o seu sacrifício, o de seu cônjuge, dos avós, dos seus colaboradores ou de qualquer outra pessoa que tenha contribuído direta e indiretamente para que ele pudesse ter a vida que tem, ele não estaria naquela situação privilegiada. Incentive-o a expressar sua gratidão a essas pessoas.

Deus te abençoe!