INSTITUTO EVANGÉLICO BEM DO BRASIL

O que é Liberdade?

Liberdade

O que é Liberdade para a filosofia?

Liberdade é classificada pela filosofia, como a independência do ser humano, o poder de ter autonomia e espontaneidade. A liberdade é um conceito utópico, uma vez que é questionável se realmente os indivíduos tem a liberdade que dizem ter, se com as mídias ela realmente existe, ou não. Fonte: SoCientífica.

Quais sáo as três concepções de liberdade?

  1. A primeira concepção filosófica da liberdade foi exposta por Aristóteles em sua obra "Ética a Nicômaco" e, com variantes, permanece através dos séculos. Dizia Aristóteles que é livre aquele que tem em si mesmo o princípio para agir ou não agir, isto é, aquele que é causa interna de sua ação ou decisão de não agir. A liberdade é concebida como um poder pleno e incondicional da vontade para determinar a si mesma ou para ser determinada. Assim, na concepção de Aristóteles, a liberdade é o princípio para escolher entre alternativas possíveis, realizando-se como decisão e ato voluntário.
  2. A segunda concepção foi desenvolvida por uma escola de Filosofia do período helenístico. Trata-se do estoicismo, que ressurgiu com Spinoza, Hegel e Marx. Ao contrário de Aristóteles, essa concepção coloca a liberdade não no ato de escolha realizado pela vontade individual, mas na atividade do todo, do qual os indivíduos são partes. O Todo pode ser a Natureza, a Cultura ou a formação histórico-social.
  3. Além da concepção aristotélica e da concepção estoica, existe uma terceira que procura unir elementos das duas anteriores. Afirma, como a segunda, que não somos um poder incondicional de escolha e afirma, como a primeira, que a liberdade é um ato de decisão e escolha entre vários possíveis. Não se trata de querer alguma coisa e sim de fazer alguma coisa. Essa terceira concepção introduz a noção de possibilidade objetiva. O possível não é apenas alguma coisa sentida ou percebida subjetivamente por nós, mas é também e sobretudo alguma coisa inscrita no coração da necessidade, indicando que o curso de uma situação pode ser mudado por nós, em certas direções e sob certas circunstâncias. A liberdade é a capacidade para perceber tais possibilidades e o poder para realizar aquelas ações que mudam o curso das coisas, dando-lhes outra direção, outro sentido.

O que a Bíblia fala sobre Liberdade?

Disse Jesus aos judeus que haviam crido nele: "Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos. E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará" João 8:31-32.

A liberdade é um dos atributos ou valores mais apreciados pelo ser humano. Para alcançar a liberdade já foram feitas manifestações e revoluções, foram travadas guerras, e muito sangue já foi derramado.

Mas a verdadeira liberdade só pode ser experimentada através do derramamento de sangue de uma pessoa: Jesus. O Seu sacrifício perfeito liberta todo aquele que escolhe acreditar. Nenhuma corrente é capaz de resistir ao poder libertador do Salvador.

Bíblia diz que a liberdade é a capacidade para escolher não pecar. Quem aceita Jesus como seu salvador fica liberto do domínio do pecado. A liberdade em Jesus não é uma licença para fazer tudo que queremos, sem consequências.

A Bíblia explica que quando pecamos nos tornamos escravos do pecado (João 8:34). Sabemos o que é certo e bom mas fazemos o que é errado, porque nossa vontade é controlada pelo pecado. Mas quando aceitamos Jesus como salvador ele nos liberta da escravidão ao pecado. Com a ajuda de Jesus podemos dizer “não!” ao pecado.

Quem ama a Deus quer fazer o que é certo, para O agradar. Estamos livres do poder do pecado mas agora nos sujeitamos à vontade de Deus. Essa sujeição ainda é liberdade, porque obedecemos por amor, não por falta de escolha (Romanos 8:14-15).

A sujeição ao pecado nos prende e destrói mas a sujeição a Deus nos dá uma vida melhor e mais completa. A escravidão do pecado apenas traz problemas e sofrimento. A liberdade da Bíblia é a promessa da vida eterna abundante, sem sofrimento (Romanos 6:20-23).

O que é o valor da Liberdade?

A liberdade assegura a todos o direito de escolha da profissão, do trabalho e de como aplicar suas poupanças e seus talentos, em mercado livre e competitivo, e o direito de apropriar-se livremente dos frutos de seu esforço, o que somente é possível pelo direito de propriedade. Sem isso, o homem não teria criado as tecnologias, os inventos e os empreendimentos que possibilitaram a elevação significativa do padrão de vida para aquelas nações que adotaram o novo padrão político e econômico. O capitalismo liberal provou ser o sistema que melhor atende à necessidade de criar riqueza (bens e serviços úteis).

Quais são os limites para a nossa Liberdade

Os limites para a liberdade vão até que não prejudiquem a vida do outro. Por exemplo: jogar lixo na rua, ouvir som alto, falta de limites dentro de casa. são ti´pos de coisas que você é livre pra fazer, mas prejudica a vida de outras pessoas. Limites para Liberdade é também controlar suas vontades. Limites para Liberdade é assumir as responsabilidades.

Sem limites, será bom ou mal?

Muito mal. Como os exemplos citados acima, mostram que liberdade sem assumir as responsabilidades sobre seus atos é bastante prejudicial.